Somos todos assim?

A imagem é forte, agressiva e revoltante.

Nela não há movimento, técnica ou qualquer recurso de iluminação.

Pelo contrário, é crua.

Assim é a foto que a Polícia Federal produziu e distribuiu hoje, primeira terça-feira de setembro, num apartamento desocupado em Salvador.

No que deve ser uma pequena sala do imóvel aparecem oito malas e cinco caixas de papelão cheias de dinheiro.

O dinheiro, segundo a PF, pertenceria Geddel Vieira Lima, ex-ministro de Michel Temer que chegou a ser preso no início de julho acusado de intermediar a facilitação de empréstimos na Caixa quando era diretor da instituição.

O apartamento seria uma espécie de depósito de dinheiro ilícito de Geddel, que segue em prisão domiciliar em sua casa, também em Salvador. Ele é investigado na operação Cui Bono, originada em provas obtidas pela operação Lava Jato.

A cena do dinheiro amontoado na sala em Salvador é um retrato do escárnio da classe política com todos os brasileiros. Um tapa na cara, daqueles que ardem e humilham mais do que um soco no estômago.

Se a informação da PF estiver correta, aquele monte de reais tem como origem os cofres públicos e as propinas pagas a agentes públicos como Geddel, que por sua vez são alimentadas com dinheiro dos brasileiros pagadores de impostos.

Espero – e muito – que não cheguemos à triste condição de um país que não se escandaliza diante de uma imagem tão forte.

Não podemos perder a capacidade de nos indignar e nos envergonhar.

Do contrário, seremos todos verdadeiros sem-vergonhas.

Será que a foto é, na verdade, o retrato do Brasil? Ou dos brasileiros?

Aquele dinheiro saiu dos hospitais, dos remédios, da infraestrutura, da educação, de projetos sociais. Trata-se de um crime cruel cometido deliberada e descaradamente, de forma premeditada, por pessoas que sabem que seus atos podem custar a vida de outros cidadãos.

Fria como uma lápide, a imagem das malas e das caixas de dinheiro no pequeno cômodo no apartamento em Salvador já entrou para a história.

Uma história, aliás, absolutamente triste.

cats

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s