Pedra, madeira e vidro

Detalhe de um dos casarões restaurados e preservados no Caminhos de Pedra, em Bento Gonçalves (RS). Foram construídos nos primeiros anos da imigração italiana, por volta de 1870. As pedras sobravam aos montes assim que as propriedades eram limpadas para serem cultivadas. 27.08.2016j_rff4874

Lava Jato, no alto clero

Muitíssimo importante essa operação da PF na Polícia Legislativa do Senado. Vai abrir uma outra linha de trabalho na Lava Jato, com possibilidade de pegar senadores e agregados que sempre se sentiram inatingíveis. Sarney, o mago dos esquemas e da longevidade, está praticamente nu. Outro ex-presidente, Collor também. Edson Lobão, da mesma forma, teria usado a Polícia Legislativa do Senado para fazer contrainteligência, ou seja, para identificar possíveis escutas implantadas pela PF com autorização da Justiça.

Hoje, portanto, tem tudo para ser considerado o início de uma nova sequência de derrubadas de castelos. Preso nesta manhã, o diretor da Polícia Legislativa, Pedro Ricardo, é um sério candidato a delator.

Acho que vai ser muito bonito de ver.

 

Um gargalo a menos

Este slideshow necessita de JavaScript.

O portão aberto e parte da cerca retirada na chácara na primeira metade da rua Otaviano Félix, bem próxima à barragem do Lago Igapó, deixa ver o movimento das máquinas trabalhando no que será a extensão da avenida Waldemar Spranger e sua ligação com as ruas Bélgica e Albânia. A obra permitirá desafogar um dos principais gargalos no trânsito de Londrina, que é a rotatória da barragem do Igapó.

A promessa da Secretaria de Obras é de conclusão dentro de sete meses.

Londrina conta com vários outros pontos críticos, uma consequência direta da falta de planejamento urbano desde quando a Companhia de Terras Norte do Paraná fez um primeiro desenho do perímetro urbano. A cidade cresceu muito mais do que qualquer previsão dos seus fundadores e, ao longo das últimas décadas, não conseguiu costurar os muitos trechos desencontrados da malha urbana.

O projeto Arco Leste, do qual faz parte a obra na Waldemar Spranger, é uma iniciativa importante, já que oferecerá uma ligação de grande fluidez entre áreas próximas geograficamente, mas separadas por fundos de vale e pelo Aeroporto José Richa. A previsão é de que uma avenida seja aberta no extremo leste da região, passando pelo fundo do aeroporto e ligando os bairros da região.

 

Selic recua, juros resistirão

A lógica dos grandes bancos de varejo do Brasil é, no mínimo, intrigante.

Nesses cerca de dois anos em que a taxa Selic (determinada pelo Banco Central como os juros básicos da economia) esteve nas alturas, o que ocorreu com os juros cobrados dos correntistas, no cheque especial e cartão de crédito?

Subiram a níveis históricos, é claro.

O que vai acontecer com os juros, agora, que a Selic teve um pequeno recuo, de 0,25%?

Não vão cair, obviamente.

Isso porque, no Brasil, tudo é motivo para o correntista ser surrupiado por juros estratosféricos. E nada é motivo para que as taxas caiam.

Nunca.

É a mesma equação que explica como um dinheiro que o banco pega no mercado a 0,5% ou 0,6% ao mês e o mesmo banco cobra até 15% ao mês do correntista – percentual que se multiplica com a recorrência do saldo negativo. Não conheço outro segmento que consiga tamanha margem em suas atividades, ainda mais sendo um serviço considerado essencial.

Isso não é spread. É estupro financeiro.

Tá pra nascer alguém que mexa nessa bilionária mina de dinheiro fácil, única no planeta.

Só este ano, o brasileiro já teria pago absurdos R$ 164 bilhões em juros!

O Brasil tem os correntistas mais mansos do mundo.

Posição

Instituição

% a.m.

% a.a.

1

BANIF BRASIL BM S.A.

0,00

0,00

2

BCO SOFISA S.A.

2,05

27,51

3

BCO INDUSVAL S.A.

2,05

27,52

4

BCO ALFA S.A.

2,42

33,22

5

BCO CEDULA S.A.

2,95

41,81

6

PARANA BCO S.A.

3,46

50,36

7

BCO PAULISTA S.A.

3,76

55,66

8

BANCOOB

4,31

65,83

9

BCO FATOR S.A.

4,41

67,88

10

BCO CAPITAL S.A.

5,03

80,22

11

BCO LA NACION ARGENTINA

5,17

83,15

12

BCO PINE S.A.

5,37

87,37

13

BCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A.

6,51

113,08

14

BRB – BCO DE BRASILIA S.A.

7,62

141,47

15

BCO BANESTES S.A.

7,78

145,67

16

BCO LUSO BRASILEIRO S.A.

9,12

184,93

17

BCO DO EST. DO PA S.A.

9,57

199,38

18

BCO DA AMAZONIA S.A.

10,47

230,46

19

BCO SAFRA S.A.

10,66

237,03

20

BCO CCB BRASIL S.A.

11,71

277,51

21

BCO DO ESTADO DO RS S.A.

11,78

280,37

22

BCO DO EST. DE SE S.A.

11,84

283,03

23

BCO RENDIMENTO S.A.

12,12

294,63

24

CAIXA ECONOMICA FEDERAL

12,22

298,96

25

BCO DO BRASIL S.A.

12,32

303,12

26

BCO BRADESCO S.A.

12,34

304,00

27

ITAÚ UNIBANCO BM S.A.

12,73

321,24

28

BCO DAYCOVAL S.A

13,19

342,23

29

BCO CITIBANK S.A.

14,24

394,31

30

HSBC BANK BRASIL SA BCO MULTIP

14,54

410,08

31

BCO SANTANDER (BRASIL) S.A.

15,19

445,48

32

BCO MERCANTIL DO BRASIL S.A.

16,51

526,00

Fonte Banco Central do Brasil.

Arte em degraus

Escadaria no Museu do Vaticano é uma obra de arte da ousadia arquitetônica. Com uma inclinação inclinação e altura dos degraus diferenciadas, ela se torna um híbrido entre e uma escada e uma rampa. Vista do alto, tem a forma exata de um caracol. Um dos principais atrativos do museu, foi projetada por Donato D’Angelo Bramante, o mesmo que assina a nova Basílica de São Pedro. 10.02.2015

a_dsc0832

Celulares terão 9 dígitos no início do mês

Os números dos celulares no Paraná ficarão maiores a partir do dia 6 de novembro. Sercomtel já está informado seus assinantes que, daqui três semanas, todos devem acrescentar o 9 antes do número atual. A mudança vai valer para os celulares do Paraná (41, 42, 43, 44, 45 e 46), Santa Catarina (47, 48 e 49) e Rio Grande do Sul (51, 53, 54 e 55).

A Anatel explica que a medida aumentará a disponibilidade de cursos nessas regiões, evitando uma eventual escassez de números disponíveis, e obedece à padronização numérica da telefonia móvel no País. Os números utilizados em aparelhos como rádio e também os telefones fixos não serão alterados.

O novo formato será 9xxxx xxxx. O telefone do blog, por exemplo, passará a ser (43) 99914 5485.